VEJA NO BLOGUE UMA DAS CULMINÂNCIAS DO CINEMA POLÍTICO MUNDIAL

Como o blogue do Mário Magalhães acaba de noticiar o lançamento em DVD de A batalha de Argel (d. Gillo Pontecorvo, 1966), resolvi dar uma verificada no Youtube, para ver se já o tinham disponibilizado com legendas. Bingo!
O filme rememora o movimento guerrilheiro que, embora sufocado a ferro e fogo pelos franceses (correram mundo as denúncias das brutais torturas ministradas pelos paraquedistas), acabou sendo o ponto de partida da independência argelina. 
Eis algumas considerações do mestre Pontecorvo (responsável por outras obras-primas, como Queimada! e Operação Ogro) sobre o filme para ver no blogue desta 6ª feira:

Em A batalha de Argel trabalhei com o que chamo de  ditadura da verdade. Tudo que não parecia verdadeiro era imediatamente descartado. Os atores são gente do povo, argelinos interpretando os próprios papéis, com exceção do coronel francês, um ator profissional. Quando terminei o filme, sugeriram que eu deveria colocar um aviso dizendo que não havia utilizado uma única cena tirada de cinejornais. Foi o maior elogio que recebi. Filmamos muitas vezes imitando os cinejornais, com textura granulada. Sugeri ao meu fotógrafo o uso de um negativo que simulasse esse efeito. Queria cenas de cinejornal, granuladas, mas não medíocres como elas costumam ser.

Para os interessados em mais informações, recomendo a boa apresentação que o companheiro Magalhães fez do DVD (acesse aqui): 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s