A TEORIA DA CONSPIRAÇÃO DO OLAVO DE CARVALHO: GOVERNO MATOU CAMPOS…

No final de 2007 eu deitei e rolei em cima do alarmismo do Olavo de Carvalho, que utilizava o Foro de São Paulo como seu espantalho da vez, tentando fazer crer que se tratava de uma portentosa ameaça de comunização do nosso continente, tipo Congresso da Olas em 1967 (aquele que marcou a guinada da esquerda para a luta armada).

Só que, obviamente, não passava da repetição da História como farsa. Então, zombeteiramente, escrevi que o Foro, na visão de OC, lembrava a Spectre descrita por Ian Fleming nas novelas de James Bond…

Venci a polêmica (vide aqui) e as evoluções posteriores me deram total razão, pois a importância do Foro era pouca e se acabou.

Como leopardos não perdem as pintas, OC agora ataca de filósofo da conspiração. Mal acabava de ser noticiada a morte de Eduardo Campos, ele postou esta bobagem no Facebook:

O governo torna sigilosas as investigações de acidentes aéreos e poucos dias depois já vem um acidente aéreo politicamente relevante. Ou o acaso está gozando da nossa cara, ou não é acaso.

Resta ele explicar qual seria o motivo de o governo atentar contra uma candidatura cuja existência dava a Dilma boas chances de liquidar a fatura no 1º turno, abrindo caminho para aquela que desde o início identificara como a candidatura mais nociva às suas pretensões, tanto que tudo fez nos bastidores para que Marina Silva ficasse fora da disputa?

Ou seja, OC continua estuprando a lógica e o senso comum. E isto sim não é nenhum acaso… 
Anúncios

7 comentários

  1. Teoria sem pé nem cabeça. Tirar Campos da cena política neste momento só ajudaria a oposição petista. Tanto que, já se nota uma euforia por parte dela no sentido de se ter uma candidata capaz de derrotar Dilma…E tem gente que vai na dele…

    Abração, Celso

    Marcelo

    Curtir

  2. Ué, Celsão, foi mesmo a Dilma, está na cara (risos, risos). E se segura, malandro, que tenho mais umas verdades a lhe dizer – verdades olavianas, tão pensando o quê?

    Fique sabendo que o Papa João XXIII era na verdade um espião soviético infiltrado no Vaticano, já que a governança dele foi de um comunismo descarado. E a URSS não caiu, continua ali, disfarçada, fingida de morta para enganar a OTAN, sob a batuta do marxista-leninista Putin, comunista fanático, comunistíssimo.

    Outro comunista de carteirinha é o Obama, assim como Forbes, toda a turma da Folha de São Paulo, a Globo, a Record, os talibãs, os aiatolás iranianos, o rei do Marrocos, a OLP, o Greenpeace e a Anistia Internacional. Tudo comuna, tuuuuuuuudo comuna.

    E, pra teu governo, não existe absolutamente nenhuma prova científica de que a Terra gira ao redor do Sol, sendo válida a hipótese de habitamos o centro do Universo!!!!!!!!!!

    Bicho, francamente, se eu não soubesse da real existência do Olavo de Carvalho, e soubesse das maravilhas que ele diz, ia achar que se trata de algum personagem do Chico Anysio, tou falando sério!

    Curtir

  3. Ora, se a morte de Eduardo Campos “ajudou” a oposição e “prejudicou” Dilma, quem é o suspeito mesmo? Imaginem se fosse o contrário,se Dilma teoricamente fosse a “favorecida”? JB já tinha dado a sentença de prisão pra mesma.

    Curtir

  4. A questão é que os eleitores marxistas apenas leem oque a imprensa noticia.
    A quem pertence o futuro?
    Vocês sabem o que o pessoal das agências de inteligência sabem?
    Para quem as agências de inteligência trabalham?

    Qualquer máxima pode ser verídica, qualquer hipótese verdadeira, quando não se conhece os fatos em profundidade. Dá mesma forma que pode ter sido falha mecânica, pode ter sido crime político, porque não?

    E a lógica por trás disso, é simples, nada complexa, basta tirar dos olhos a lente das 'premissas', e levar em conta a natureza dos acontecimentos.
    Por exemplo:

    – A médio e longo prazo, Eduardo Campos representava sim [como Marina Silva também representa], um possível sucessor ao planalto.

    – Porque a caixa preta não gravou as conversas dos pilotos antes da queda? Porque, trechos simplesmente desapareceram?

    Não se trata de acusar Dilma, Aécio, nem ninguém, trata-se apenas do exercício de se levantar hipóteses, que faz parte da natureza do pensamento humano, e comum a todos aqueles que procuram a verdade, e nesse ponto, não pode ser descartada nenhuma hipótese.

    Nem mesmo, a de assassinato deve ser descartada, pois assassinato, é prática absurdamente comum entre os comunas [se qualquer indivíduo somar os números da extinta União Soviética, com da atual China, chegamos ao total de mais de 100 milhões de pessoas mortas como formigas, isso, deixando de lado é claro, toda a “maravilha” do Nazi-Facismo, outros dois frutos genocídas do Marxismo, porque daí, pode-se passar tranquilamente da marca de 200 milhões de homicídios].

    Por mais que qualquer “milicante” [tipo a Sininho que pediu exilio para a Inglaterra, não entendo até hoje, porque ela não pediu para Cuba, ou para a Rússia… =/ ], que ame a Dilma e que masturbe-se lendo “O Capital”, por uma questão de lógica, não pode deixar de lado as estranhezas desse episódio, que pode ter sido uma fatalidade, uma tragédia sim, mas que também, a médio e a longo prazo, vai beneficiar alguns grupos sim, coincidência, acaso ou não, mas um fato.

    Abraços.

    Homero

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s